galeria header

 
 

Sketch Urban Lisboa | by Luís Rosa

Luís Rosa Arquiteto, Designer e Urban Sketchers 

Luis ProfileO Diário Gráfico enquanto meio de expressão e comunicação visual, pode ser visto como um objeto intimista que permite uma aproximação aos meus pensamentos.. Desta forma o caderno serve para registar a exploração de uma ideia eternizando a ação em relação ao espaço, tempo e subjetividade. E um acto muito pessoal de caráter exploratório e experimental, utilizo-o de forma despreocupada libertando o meu olhar, de modo a que os desenhos não tenham o objetivo de representar fielmente o que está a minha frente, apenas porque estou estou aqui e vou desenhar pelo gosto dos traços que se formam no papel.

A despreocupação ao desenhar aparece como característica importante neste contexto e é observada através dos desenhos livres, com um olhar quase despercebido para o que, de forma geral, atrai mais a atenção. Deste modo, o foco dos desenhos passa a ser para coisas simples que estão ao redor constantemente de todos. Encontramos nos Diários Gráficos o espaço e o tempo onde podemos nos permitir investigar aquilo que nos cerca, justamente por não se pretender uma obra acabada.

Sketch Urban Lisboa.